Artigos

O calendário parlamentar das assembleias espanholas e inglesas no século XII

O calendário parlamentar das assembleias espanholas e inglesas no século XII

O calendário parlamentar das assembleias espanholas e inglesas no século XII

Por José Manuel Cerda

Parlamentos, Estados e Representação, Vol.26 (2006)

Resumo: Ao estudar a origem das assembléias parlamentares, os historiadores tendem a ignorar a importância institucional de uma variedade de aspectos circunstanciais, como as mudanças nos padrões temporais e o calendário que determinou as reuniões das reuniões reais no período medieval. A maioria dos estudos tem se concentrado quase exclusivamente nos desenvolvimentos constitucionais e fiscais negociados entre os monarcas e a comunidade de nobres, e na transformação política que moldou o caminho institucional dos tribunais feudais. Embora reconheça a importância desses processos tão estudados, o artigo a seguir, em vez disso, lançará alguma luz sobre a frequência e temporalidade dos tribunais espanhóis e conselhos ingleses ao longo do século XII, e sugerirá uma correspondência entre esses padrões de mudança e o advento do fenômeno parlamentar em Europa. Esta análise se concentrará no ritmo experimentado pelas assembléias reais entre os anos 1150 e 1180, desafiando assim as datas tradicionais por tanto tempo tidas como marcantes do início dos parlamentos na Inglaterra e nos reinos cristãos da Espanha.


Assista o vídeo: Debate Renamo António Muxanga (Janeiro 2022).